QUARENTENA NO ELVIS PRESLEY INDEX

O Elvis Presley Index está com atividade reduzida por tempo indeterminado em função da pandemia de Coronavírus.


Apesar de o Elvis Presley Index não ser afetado ou ter a obrigação de fechar ou diminuir seu funcionamento, a parada dos trabalhos será adotada por necessidade de auxílio a familiares nesse momento complicado e a falta de tempo que se instalará com isso.


Postagens esporádicas aparecerão durante a duração da quarentena, por isso é importante que nossos amigos retornem periodicamente ao site para não perder nenhum conteúdo.

I'VE GOT TO FIND MY BABY!

sábado, 14 de dezembro de 2019

Elvis Visita a América - Parte 2: Julho a Dezembro de 1972

No auge da fama pós-retorno, Elvis não poderia estar em melhor condição profissionalmente. Desde 1969, todos os seus discos vinham fazendo enorme sucesso e mostrando que ele voltara para cumprir o papel que nunca deveria ter aceitado abandonar em 1960, ao se entregar ao cinema por vontade de Parker e negligenciar a música por não poder se desvencilhar de contratos com estúdios.

Sua vida pessoal não ia tão bem e o divórcio era uma sombra que se aproximava cada vez mais, mas Elvis jamais deixaria isso transparecer em seu trabalho. De fato, os shows do primeiro semestre de 1972 foram alguns dos melhores desde 1970 e ele dava tudo de si aos fãs. Aparte da redução considerável nas sessões de gravação, nada apontava seus problemas pessoais nos palcos e nos projetos em andamento. As apresentações levavam fãs a lotar arenas por todos os estados dos EUA e as gravações para "Standing Room Only" (mais tarde renomeado para "Elvis On Tour") andavam de vento em popa.

Não foi diferente no segundo semestre de 1972. Apesar de pausas maiores entre turnês e da ausência de discos oficiais com material novo, Elvis ainda era um nome quente e que levaria multidões a suas apresentações. A RCA lançada singles e alguns discos de budget para compensar a falta de LPs, enquanto Elvis se preparava para uma das maiores empreitadas de sua carreira: um show ao vivo via satélite.

Abaixo desenhamos um pouco do cenário geral da experiência de ver Elvis no segundo semestre de 1972.

_________________________________________________________________________________________________________________

LAS VEGAS: 4 DE AGOSTO A 4 DE SETEMBRO

O primeiro show de 1972 também marcou a primeira vez em que "My Way", gravada em junho de 1971, apareceria na setlist dos shows. Apesar de que o Master original da canção só viria a público em 1995, as versões ao vivo de Elvis dali até 1977 seriam as mais lembradas por amantes da música de todo o mundo. Aquela temporada não traria muitas variações na lista de canções dos shows, mas Elvis procuraria variar suas posições para criar apresentações únicas e espontâneas.

Elvis continuaria a abrir seus shows com "See See Rider" e "Johnny B. Goode" seria promovida a segunda canção da apresentação dia sim, dia não, com "Never Been to Spain" sendo definitivamente substituída por "Until it's Time For You to Go". Talvez as faixas mais emblemática das adições do segundo semestre tenham sido "I'll Remember You", que já havia aparecido esporadicamente no primeiro semestre, e "What Now, My Love", ambas de grande importância para o que viria nos meses seguintes.

Elvis em Las Vegas; agosto de 1972

Existem soundboards, completos ou parciais, de alguns dos shows desta temporada, o que indica que a RCA talvez tenha - ou teve em algum momento - toda ela gravada em áudio profissional. A maior parte das apresentações desta temporada ainda é rara.





_________________________________________________________________________________________________________________


TURNÊ #3 - 1: 8 A 15 DE NOVEMBRO

Depois de dois meses de descanso, Elvis retornaria aos palcos em sua terceira e última turnê nacional naquele ano. Nesta turnê, à exceção de Oakland, todas as cidades  (LubbockTucson, El PasoSan BernardinoLong Beach e Honolulu) veriam Elvis pela primeira vez; na maior parte delas, Elvis só retornaria em 1976 (exceto Oakland, que o veria pela segunda e última vez).

Elvis com a jumpsuit Royal Blue Fireworks em San Bernardino, California; 13 de novembro de 1972


A lista de músicas das apresentações não variaria muito, apenas sendo modificada para comportar as preferidas de Elvis sempre que ele quisesse cantá-las. "Heartbreak Hotel", "For the Good Times", "How Great Thou Art" e "Release Me", por exemplo, continuariam aparecendo de forma esporádica e espontânea. A razão para essas pequenas modificações de show para show era fazer com que Elvis não achasse as apresentações monótonas, como quando gravou para "Elvis On Tour".


_________________________________________________________________________________________________________________

TURNÊ #3 - 2: "ALOHA FROM HAWAII" - 17 E 18 DE NOVEMBRO

Depois de de extensas negociações em agosto daquele ano, Elvis faria uma conferência de imprensa em 4 de setembro para anunciar que faria seu primeiro show fora do território continental dos EUA em 11 anos e que aquela seria a primeira experiência com uma transmissão ao vivo via satélite para todo o mundo (o primeiro programa via satélite acontecera em 1967, mas não fora exibido em todo o mundo) de uma de suas apresentações.



Os preparativos ocorreram de forma rápida e os fãs havaianos estavam eufóricos pelo retorno de uma apresentação de Elvis em Honolulu pela primeira vez desde 1961. O show via satélite ocorreria na noite de 18 de novembro e 9 mil pessoas o veriam na H.I.C. Arena. Antes, Elvis faria outras duas performances, ma noite do dia 17 e na tarde do dia 18, para 8400 espectadores como ensaio.

Intitulado "Aloha from Hawaii", o show das 20:30 de 18 de novembro de 1972 teria uma setlist de canções diferente da que se costumava ouvir naquele ano, tornando a apresentação mais séria e mostrando um Elvis mais quieto. Porém, como o lançamento do documentário "Elvis On Tour" se daria em 11 de novembro, a organização do evento, Parker e a RCA se preocuparam com a possibilidade de que um evento pudesse ofuscar a importância do outro, cancelando a transmissão via satélite, que acabaria sendo reprogramada para 14 de janeiro de 1973 no mesmo local.

Elvis em Honolulu, Havaí. Da esquerda para a direita:
Jumpsuit Thunderbird (17/11/72), Black Conquistador (18/11/72 AS), Aztec Star (18/11/72 ES)

Para honrar o compromisso e não deixar fãs a ver navios, as apresentações dos dias 17 e 18 de novembro foram feitas. A lista de músicas continuou a ser a de costume e Elvis teve mais liberdade para improvisar e cantar suas preferidas, como "Just Pretend", "Little Sister / Get Back" e "How Great Thou Art". Estas seriam suas últimas apresentações no ano de 1972.

Para saber mais detalhes sobre estes shows, recomendamos a leitura abaixo:

- Elvis no Havaí - Parte 3: 17 e 18 de Novembro de 1972 (Aloha From Hawaii Original) (clique aqui)
_________________________________________________________________________________________________________________

_________________________________________________________________________________________________________________

LEITURA COMPLEMENTAR:

- Elvis Visita a América - Parte 1: Janeiro a Junho de 1972 (clique aqui)

Postagens populares