I'VE GOT TO FIND MY BABY!

Construindo o Rei: Elvis - Good Rockin' Tonight

ELVIS - GOOD ROCKIN' TONIGHT (EUA, 1990)

Título brasileiro: Elvis
Gravação:
1988/1989
Lançamento:
11 de fevereiro de 1990
Duração:
390min
Produtora:
ABC-TV
Orçamento:
US$ 20 milhões
Arrecadação:
---
Elenco principal:
Michael St. Gerard
Millie Perkins
Billy Green Bush
Jesse Dabson
Blake Gibbons
Kelli Williams
Jordan Williams
Howard French
Todd Bryant
Lucas Kain
David Dunavent
Marion Keisker
Trilha sonora:
---








Elvis - Good Rockin' Tonight é, também conhecida apenas como "Elvis", é uma série biográfica dirigida por grandes nomes do cinema/TV e estrelada por Michael St. Gerard como Elvis Presley. O drama reencena a vida pessoal e profissional do Rei do Rock durante seus primeiros anos de estrelato, entre 1953 e 1955.

Desde a morte prematura de Elvis em 16 de agosto de 1977, produtoras cinematográficas demonstraram um súbito interesse em mostrar sua história. Vernon relutava em aceitar contratos para tal e Parker queria cobrar muito mais do que lhe seria devido pela consultoria que faria nessas produções, mas havia membros da família e da Máfia de Memphis dispostos a colaborar por valores menores. Com isso surgiram filmes como  "Elvis - O Filme", obra televisiva da ABC-TV em 1979, "Elvis and the Beauty Queen", produzido e exibido pela NBC-TV em 1981, "This is Elvis", a primeira produção cinematográfica sobre sua vida, e "Elvis & Me", filme da ABC-TV baseado no livro homônimo de Priscilla e exibido em 1988.

Porém, nunca se havia pensado em transformar a vida de Elvis em uma série de televisão até que os executivos da ABC, após verem o pequeno sucesso da transmissão de "Elvis & Me", decidiram que seria uma boa ideia trazer o cantor para a modernidade dos anos 1980/1990 e retirar a visão que os mais jovens tinham de um "cara vestindo macacões espalhafatosos em Vegas nos anos 1970". Depois de rápidas conversas, Priscilla Beaulieu assumiu a produção executiva da trama, através da Navarone Productions (produtora de Priscilla), com financiamento parcial da EPE.

Poster promocional com Michael St. Gerard como Elvis em chamada para a estreia da série

No elenco, foram unanimidades o retorno de Billy Green Bush como Vernon, por sua brilhante atuação em "Elvis & Me", e Millie Perkins, estrela da casa no momento e atriz que vivera o interesse amoroso do Rei do Rock em 1961 no filme "Wild In the Country", como Gladys. Para viver Elvis, alguns nomes foram considerados. Matt Dilon, Todd McDurmont e Scott Valentine eram os mais cotados, mas a ABC decidiu de última hora por Michael St. Gerard por questões orçamentárias. Tendo interpretado Elvis por duas vezes antes em pequenas cenas de séries, ele tinha o estilo necessário apesar de ser difícil de se trabalhar com ele e de se recusar a usar lentes de contato azuis para o papel. O restante do elenco foi preenchido por nomes da casa. Como em todos os filmes sobre Elvis até então, Ronnie McDowell foi chamado para ser a voz do Rei do Rock durante cenas musicais.

Michael St. Gerard, Millie Perkins e Billy Green Bush como Elvis, Gladys e Vernon em poster promocional

Encomendada para o início de 1989, a série acabou passando por vários problemas que fizeram com que a produção quase fosse cancelada. O elenco grande e com muitos atores de renome, cobranças dos produtores e desafios técnicos fizeram com que cada capítulo de 30 minutos custasse US$ 1,5 milhão, um orçamento que a ABC jamais havia utilizado para um único programa. Como precisava de um substituto para o período entre temporadas de outras séries, a rede de TV pediu que sete capítulos fossem filmados para exibição em julho daquele ano, mas novamente o processo foi parado. Com a adição de Jerry Schilling como produtor executivo e Scotty Moore como consultor, a série finalmente ganhou mais credibilidade dentro da ABC e a luz verde para 13 episódios foi acesa.

Em sua estreia em 11 de fevereiro de 1990, a trama não chamou atenção. De fato, a cada semana sua audiência caía, até que os executivos da ABC ordenaram que a série fosse tirada do ar após seu décimo capítulo, em 6 de maio daquele ano. Com isso, apenas 300 dos 390 minutos originalmente filmados foram vistos. A trama foi reeditada e chegou ao público completa, em forma de minissérie sob o título "Elvis - The Early Years", em VHS em 1993. O mesmo roteiro foi retrabalhado para a série homônima de 2005. A produção não recebeu versão em DVD ou qualquer tipo de disco de trilha sonora.
_________________________________________________________________________________________________________________

VÍDEOS (SÉRIE COMPLETA, 13 EPISÓDIOS - INGLÊS, SEM LEGENDAS)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário!

LEMBRE-SE: Não postaremos mensagens com qualquer tipo de ofensa e/ou palavrão.

Postagens populares